Casal detido na A2 em Aljustrel com quase 34 kg de haxixe

Um casal (um homem de 19 anos e uma mulher de 24 anos) foi hoje detido pela GNR por tráfico de droga, numa fiscalização rodoviária na Autoestrada do Sul (A2), no concelho de Aljustrel (Beja), tendo os militares apreendido quase 34 quilos de haxixe.

Casal detido na A2 em Aljustrel com quase 34 kg de haxixe

Casal detido na A2 em Aljustrel com quase 34 kg de haxixe

Um casal (um homem de 19 anos e uma mulher de 24 anos) foi hoje detido pela GNR por tráfico de droga, numa fiscalização rodoviária na Autoestrada do Sul (A2), no concelho de Aljustrel (Beja), tendo os militares apreendido quase 34 quilos de haxixe.

Casal é detido em plena A2 com quase 34 kg de haxixe. A Guarda Nacional Republicana (GNR) revelou que os suspeitos, um homem de 19 anos e uma mulher de 24 anos, foram detidos esta madrugada, através dos destacamentos de Trânsito e de Intervenção de Beja. A detenção aconteceu “às 00:35, ao quilómetro 161,6 da A2”, quando os dois suspeitos viajavam numa viatura automóvel “no sentido Sul/Norte”.

Para ler depois
Postos de combustível alvo de processos-crime por cobrarem mais do que deviam
A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) anunciou hoje que instaurou processos-crime contra postos de combustível que estão a cobrar mais imposto do que deviam, obrigando os clientes a pagar mais (… continue a ler aqui)

De acordo com o comunicado, no âmbito de uma ação de fiscalização rodoviária nesta autoestrada, no sentido Sul/Norte, “os militares da Guarda abordaram uma viatura com dois ocupantes, que apresentaram um comportamento suspeito”.

“No decurso da ação policial, foi realizada uma revista pessoal e de segurança aos suspeitos e uma busca sumária ao veículo”, pode ler-se. Estas diligências culminaram, além das detenções, na apreensão dos 33,654 quilos de haxixe, o “equivalente a 67.308 doses” daquele produto estupefaciente, e da viatura.

Os detidos foram presentes hoje a primeiro interrogatório judicial no Tribunal Judicial de Beja, que determinou a prisão preventiva de ambos, ou seja, a medida de coação mais gravosa. “A mulher foi transportada para o Estabelecimento Prisional de Odemira e o homem ficou no Estabelecimento Prisional de Beja”, acrescentou a fonte policial contactada pela Lusa.

A ação contou com o reforço dos destacamentos territoriais de Almodôvar, Aljustrel e Odemira, pertencentes ao Comando Territorial de Beja, assim como de meios dos comandos territoriais de Lisboa e Setúbal.

Impala Instagram


RELACIONADOS