Rogério Samora tinha várias propostas de trabalho antes de ser internado

Rogério Samora estava muito feliz com o ‘seu’ Cajó, na novela “Amor, Amor”, da SIC, e considerava estar na melhor fase da sua carreira. Primo do ator revela que este estava cheio de trabalho.

Rogério Samora tinha várias propostas de trabalho antes de ser internado

Rogério Samora tinha várias propostas de trabalho antes de ser internado

Rogério Samora estava muito feliz com o ‘seu’ Cajó, na novela “Amor, Amor”, da SIC, e considerava estar na melhor fase da sua carreira. Primo do ator revela que este estava cheio de trabalho.

Rogério Samora tinha várias propostas de trabalho em cima da mesa, na altura em que sofreu uma paragem cardiorrespiratória, a 20 de julho. Segundo o primo, Carlos Samora, o ator estava muito feliz com a personagem Cajó, a que dava vida na novela “Amor, Amor”, da SIC, e considerava mesmo que “estava no pico da sua carreira”.

“Tinha muitas outras propostas… Nada fazia prever que isto fosse acontecer. Foi muito inesperado”, disse Carlos, em declarações a uma publicação semanal, sobre o primo, que continua com o prognóstico reservado e em estado muito grave. Apesar de tudo, refere o familiar de Rogério Samora, a família mantém a esperança na recuperação do ator. No entanto, tem medo da sua reação ao acordar e perceber que pode ficar com sequelas permanentes.

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS