O poder dos alimentos na nossa saúde e na nossa vida

São inúmeros os benefícios que os alimentos têm para a nossa saúde. Crus ou cozinhados, conheça as vantagens de consumir aqueles que selecionámos e anote algumas receitas.

O poder dos alimentos na nossa saúde e na nossa vida

O poder dos alimentos na nossa saúde e na nossa vida

São inúmeros os benefícios que os alimentos têm para a nossa saúde. Crus ou cozinhados, conheça as vantagens de consumir aqueles que selecionámos e anote algumas receitas.

Não há qualquer dúvida de que a nossa saúde e bem-estar são o reflexo dos alimentos que ingerimos. Mas não só. Aliada a uma vida ativa, a alimentação equilibrada e a forma como escolhemos, cozinhamos e distribuímos ao longo do dia o que ingerimos torna-nos mais saudáveis. E não basta termos isto em conta apenas quando já nos sentimos em baixo. Mais importante do que remediar – lá diz o provérbio – é prevenir. Tome nota do que pode bem ser o início de uma vida mais saudável, sustentável e feliz.

Alimentos que previnem cancro e outras doenças

Cebola

É, talvez, o vegetal mais utilizado nos pratos dos portugueses. É a estrela dos refogados e tem inúmeros benefícios para a saúde. Possui propriedades antivirais, antifúngicas, antibacterianas, anti-inflamatórias, anticancerígenas e antioxidantes, sendo fundamental para manter o funcionamento do coração. Há vários tipos de cebola e podem ser consumidos e cozinhados de imensas formas diferentes. Ajuda a prevenir e a combater doenças como a gripe, constipações, amigdalites, asma e alergias, assim como o cancro. Previne o envelhecimento precoce, ajuda a regular o açúcar no sangue, diminui a pressão arterial, entre muitos outros benefícios.

Gengibre

O gengibre é conhecido pelo seu poderoso poder anti-inflamatório que ajuda a limpar o congestionamento do nariz e da garganta. Contudo, o seu efeito também pode ser preventivo. Alguns estudos também já provaram o seu poder antiviral, que poderá prevenir o aparecimento da constipação ou gripe.

Curcuma

Sabia que a Índia tem uma das taxas mais reduzidas do Mundo de cancro do cólon, da próstata e do pulmão, ao contrário dos Estados Unidos, por exemplo, onde as taxas são 13 vezes mais elevadas? Segundo alguns investigadores, a razão está na dieta indiana, rica em caril em pó, sendo a curcuma o ingrediente principal. As especiarias são inúmeras! E os benefícios também: reduz as células gordas acumuladas, melhora o colesterol, ajuda na digestão e a controlar o apetite. O chá de curcuma previne a flatulência e as dores de estômago.

Fruta

Sabia que deve consumir fruta diariamente ao longo de todo o ano? Cada alimento tem os seus benefícios, mas a fruta, no geral, pode prevenir vários tipos de cancro, ajuda a emagrecer, fortalece os ossos, auxilia no funcionamento do coração, facilita o rejuvenescimento da pele, ajuda na digestão e retarda o envelhecimento. Para quem tem diabetes, amora, coco, kiwi, manga e morango são opções naturais para regular os níveis de insulina e a quantidade de glicose no sangue. Por isso, não há desculpas para não comer fruta.

Pimenta preta

É um dos temperos que não podem faltar na maioria das casas dos portugueses. Há quem adore e há quem deteste. Tal como o sal, a pimenta preta é utilizada em praticamente todos os pratos, de forma mais ou menos suave. Mas, cuidado, este tempero deve ser usado com moderação. Misturar a pimenta preta com alecrim, orégãos ou outras ervas pode ajudar na prevenção de doenças graves ou cancros.

Canela

Um estudo levado a cabo por investigadores do Centro Médico da Universidade de Rush, nos Estados Unidos, detetou mais benefícios associados ao consumo de canela. A especiaria, que já era apontada como um aliado no aceleramento do metabolismo no processo de emagrecimento, está agora associada a melhorias na memória de crianças e adultos.

Mel

São muitas as pessoas que utilizam o mel apenas como adoçante natural, mas são muitos os benefícios deste alimento para a sua saúde. O mel tem a capacidade de fortalecer o sistema imunológico, melhorar a capacidade digestiva e até aliviar a prisão de ventre. Além disso, o mel é considerado antissético, antioxidante, antirreumático, diurético, digestivo, expetorante e calmante. Mas não abuse! O mel pode engordar, porque é doce, e tem quase as mesmas calorias que o açúcar branco. Uma colher de sopa de açúcar tem cerca de 60 calorias e a mesma medida de mel apresenta 55 calorias. É importante realçar que o mel é totalmente proibido a crianças até aos 12 meses de idade, porque pode conter esporos de uma bactéria chamada Clostridium botulinum. Esta bactéria está na origem de uma doença gravíssima e potencialmente fatal nas crianças desta faixa etária, o botulismo.

Saber comer bem e aprender a cozinhar

Alho

O alho estimula o sistema imunitário e possui propriedades antivirais, anti-inflamatórias e antibacterianas. Previne ainda o aparecimento de constipações e gripes. Pode utilizar o alimento em quase todos os pratos.

Espinafres

Por ser um vegetal de folha verde-escura, é rico em vitaminas E e C, essenciais para o bom funcionamento do sistema imunitário. Já deve ter ouvido falar nos famosos detox. Consuma-o num batido e adicione frutas como laranja ou kiwi, por exemplo, ou em cru numa salada com um pouco de azeite e limão, enquanto estiver doente, para melhorar os sintomas.

Aveia

As famosas papas de aveia quentes viraram moda e há quem não viva sem as incluir no pequeno-almoço. Os flocos de aveia são uma excelente fonte de vitamina E, que estimula o sistema imunitário. Contém ainda polifenóis (antioxidantes) e fibras que também fortalecem o sistema imunitário e promovem a saciedade.

Os famosos detox

Já deve ter ouvido falar nos famosos detox. Consuma, por exemplo, espinafres num batido e adicione frutas, como laranja ou kiwi, ou em cru numa salada.

Cenoura

Além de melhorar a visão, a cenoura também ajuda a evitar o envelhecimento precoce, a melhorar o sistema imunitário e a prevenir alguns tipos de cancro. Pode ser consumida crua ou cozida, e tem imensos benefícios para a saúde devido ao potássio, fibras e antioxidantes. Ajuda ainda a melhorar a digestão, prolonga o bronzeado e cuida da pele.

Beterraba

Crua ou cozida, em saladas ou em sumos, a beterraba é fundamental à mesa por ser rica em antioxidantes. Diminui a pressão arterial, fortalece o sistema imunitário, previne e combate a anemia, previne o envelhecimento precoce, protege o sistema nervoso e o coração, controla o colesterol, previne problemas no fígado e nos pulmões, entre outros benefícios.

Receita detox

Sumo de cenoura e beterraba

Ingredientes

– 1 beterraba;
– 1 cenoura;
– 5 colheres de sumo de limão (50 ml);
– 1 copo de água (200 ml).

Preparação

– Lavar bem a cenoura e a beterraba;
– Cortar em pedaços pequenos e triturá-los antes de juntá-los a um copo de água com limão;
– Beber pela manhã dará melhores resultados.

Tomate

TOMATE
É dos frutos mais versáteis e utilizados na cozinha. Pode ser consumido cozinhado ou cru, em compotas ou saladas, em molhos ou em sumos e tem inúmeros benefícios para a saúde. É ótimo para quem quer emagrecer, porque tem apenas 25 calorias. Além disso, previne o cancro da próstata, problemas cardiovasculares, melhora a visão, a pele e o cabelo, ajuda a regular a pressão arterial e fortalece o sistema imunitário.

Sumo de tomate

Ingredientes e preparação

– 3 tomates;
– 150 ml de água (gelada, se preferir beber fresco);
– 1 pitada de sal e pimenta;
– 1 folha de louro ou manjericão.
– Triturar e beber de imediato.

Tomate recheado com requeijão

Ingredientes

– 300 g de tomate-chucha;
– 150 g de requeijão;
– 4 c. (de sopa) de azeite;
– sal q.b.;
– pimenta q.b.

Preparação

Corte uma tampa aos tomates, reservando-as, e escave o interior com uma colher parisiense. Esmague o requeijão e tempere com sal e pimenta. Distribua-o pelo interior do tomate e regue-os com o azeite. Coloque-os num tabuleiro e leve a meio do forno a 180º C, por 20 minutos. Decore a gosto e sirva de seguida.

Texto: Filipa Rosa

Impala Instagram


RELACIONADOS